Brasil pela Birmania

On 03/06/2008 by nalanda

R$ 2635,00 é o total acumulado de doações nesses primeiro mês de campanha pelas vítimas do ciclone em Myanmar. Essa quantia será transferida essa semana para nossos associados na Inglaterra. Não deixem de participar e continuem colaborando!

Dessa quantia, foram transferidos os primeiros US$ 1200 dólares para o BuddhistAid. O resto continua acumulado na conta. Continuamos com a campanha e esperamos fazer nova remessa em meados de julho. O dinheiro está sendo usado entre outra coisas para o reparo de lagoas e água potável e a construção de uma escola em Bogaly, a cidade mais afetada pelo tufão. Vocês podem acompanhar aqui.


O Centro Buddhista Nalanda (uma entidade registrada, civil e sem fins lucrativos, há 20 anos atuando no Brasil), em associação com o Buddhist Aid Trust (entidade de caridade registrada na Inglaterra), o Myanmar Cyclone Recovery Fund e nossos amigos birmanêses em Londres de um dos maiores portais buddhistas da tradição buddhista, o Nibbana.com, lança agora uma campanha brasileira para recolher fundos para os milhares de desabrigados devido à tragédia do ciclone Nargis.Nossa campanha se chamará “Brasileiros pela Birmânia/Brazilians for Burma Recovery” e conta com a ajuda de todos vocês que lêem está mensagem. Por favor, contribuam, ainda que 5 ou 10 reais. Cada centavo depositado será repassado ao Buddhist Aid Trust e entregue diretamente às vítimas do ciclone, e independentemente da religião e etnia dos envolvidos. Ou seja, não é apenas para buddhistas, mas para todos que sofrem as terríveis perdas humanas e materiais advindas do ciclone.Participe dessa campanha humanitária, doando e divulgando! Aqueles que quiserem fazer suas contribuições diretamente no site da Buddhist Aid Trust, via paypal ou cartão de crédito podem acessar seu site. Mas para facilitar os moradores no Brasil, o Centro Buddhista Nalanda disponibiliza uma conta específica para esse fim. Todos os depósitos nessa conta serão repassados integralmente para nossos amigos da Buddhist Aid Trust, que trabalhará junto com respeitáveis organizações não-governamentais e outros sistemas de distribuição diretamente para as vítimas envolvidas. Não é preciso nos avisar do depósito, pois essa é uma conta exclusiva para esse fim.Vamos nos unir nessa tragédia mundial. Mesmo que sejamos capazes de doar apenas um pouco, qualquer quantia certamente salvará vidas. Lembrem-se, 1/3 da população da Birmânia vive abaixo da linha de pobreza. Um professor ganha 90 reais ao mês! Qualquer valor que vocês puderem ajudar, certamente conta!

Como no tsunami de 2004, as notícias sobre os danos do ciclone Nargis chegam em pedaços. Começou com 350 mortos. Passou para 4.000. Aí notícias chegaram de que poderia ser mais de 10.000. Chegou-se então aos 22.000. Desde ontem (7 de maio) se fala que mais de 100.000 morreram quando o ciclone Nargis bateu nas costas da Birmânia (Myanmar) na última sexta-feira. No Tsunami de 2004 foram 230.000 para todos os países envolvidos. Ventos que sozinhos causaram feridas e queimaduras nos que sobreviveram. Ventos que levantaram um tsunami que desfigurou todo o sul do país, no maior desastre natural da história recente da Birmânia.

Amigos! 6.000 pessoas morreram na Thailândia durante o tsunami de 2004 (muito pouco comparado com Indonésia, Índia e Sri Lanka). Na Birmânia, agora, são mais de 100.000! Todos podem imaginar o que isso significa.

Não há eletricidade, água ou transportes nas regiões afetdas. Estima-se que um número enorme irá morrer no pós-ciclone por malária, dengue, febre amarela, fome e desidratação. O mundo inteiro e todas as organizações humanitárias estão se juntando para oferecer ajuda.

Doem, divulguem entre amigos, sites e listas. E aqueles que possuírem sites de entidades que queiram dar seu apoio nominal à campanha, ou quiserem mais esclarecimentos entrem em contato com nosso email. Endereço oficial da campanha brasileira:

Campanha Brasileiros pela Birmânia/Brazilians for Burma Recovery

http://nalanda.org.br/seva/brasil-pela-birmania

Contribuições
Conta Exclusiva para as Vítimas do Ciclone Nargis na Birmânia/Myanmar:

Banco Bradesco
agência: 3432-0
conta corrente: 18.736-4
em nome de Centro de Estudos Buddhistas Nalanda

Patrocinadores:

Centro Buddhista Nalanda

Buddhist Aid Trust

Myanmar Cyclone Recovery Fund

Nibbana.com

Apoiam a Campanha:

Colegiado Buddhista Brasileiro

Templo Budista Apucarana Nambei Honganji

Centro Zen Daissen Zendo

Dharmanet

Não deixe de participar nesse ato humanitário. Qualquer quantia representa mais dias de vida para alguém.


Blog Widget by LinkWithin
Compartilhe com seus amigos:Share on Google+0Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0Pin on Pinterest0Email this to someone

12 Responses to “Brasil pela Birmania”

  • Sheyla Souza Costa

    Quando um ser sofre, todos os seres sofrem juntos. Somos todos interdependentes, todos com um imenso potencial de encontrar a natureza de buda. Todos perdidos no imenso, incalculável ciclo de sofrimentos fruto da ignorancia, da cobiça e do odio. Que possam todos os seres se beneficiar.
    Vou participar, aliais vamos, a familia tb.

  • Selma

    Obrigada pela iniciativa. Muitas vezes as pessoas têm a aspiração de ajudar, mas não sabem como, nem em quem confiar.

  • Celso Carrera

    Caro amigo Ricardo,

    Tenho assinado manisfestos, até internacionais para ajuda ao povo da Birmania, mas sua campanha é pratica e efetiva.
    Obrigado por nos propiciar essa ajuda de forma simples.
    Que os frutos de sua ação revertam em beneficio de todos os seres.

    Com muita Metta,

    Celso Carrera

  • Ana Paula

    Se cada um der um gota de ajuda,juntos teremos um oceanos cheio de vida feliz.
    Obrigada
    oi pai, oi mae!

  • nalanda

    Obrigado a todos! Ajudem a divulgar! A primeira remessa acontecerá no final de maio. Qualquer quantia conta! Temos fontes seguras para fazer chegar essa ajuda a quem realmente precisa. Por favor, continuem divulgando na minha ausência.

  • Antonio Cé Neto

    Todos nós, seres sencientes, de alguma forma e
    em alguma época, estivemos interligados. Todos
    somos parentes, e somos responsáveis uns pelos
    outros. Toda ajuda é necessária. A compaixão é
    infinita …

  • Eliane

    …É como aquele pássaro que tentava apagar o fogo na floresta, carregando gotas de água no bico… O pouco torna-se muito se você insistir em ajudar.

  • Rodrigo

    Olá eu estou começando a pesquisar sobre budismo e vi esse link no dharmanet, excelente iniciativa. Eu sou estudante de meteorologia e sei como impactos ambientais podem causar danos em larga escala. Muitas pessoas acabam por se sentir desamparadas, é importante ajudar. Muito satisfeito com essa iniciativa, parabéns. E contem com a minha contribuição e divulgação. Paz a todos.

  • Henrique Pires

    Um trabalho meritório! Magnífica, de fato, é essa iniciativa.
    Agradeço em nome de todos aqueles que desejam ajudar mas que não saberiam como fazê-lo sem sua ajuda. Soube desse link tardiamente mas inviarei minha doação ainda hoje e faço questão de divulgar o trablho para TODOS que conheço…
    Que todos os seres possam se beneficiar por meio dessas ações, muito obrigado!!

  • akiko gunji

    Obrigada pela iniciativa. Obrigada pela chance que nos tem dado de poder fazer algo por eles, pois ajudando a eles, estaremos ajudando a nós mesmos no nosso caminho evolutivo.

Trackbacks & Pings

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>