Quem Somos

.

A Comunidade Buddhista Nalanda é um espaço criado para o entendimento e prática dos ensinamentos primevos do Buddha. O Buddha deu à humanidade instruções claras sobre a natureza do homem e sua vida, bem como indicou o caminho de purificação e libertação das aflições mentais. Dirigido a todos os homens ‘com olhos para ver e ouvidos para ouvir‘, sua mensagem não era restrita a uma certa camada da população, nem possuia restrições religiosas, econômicas ou sociais. No decorrer dos séculos, seus ensinamentos foram por vezes transformados e reformulados, sofrendo mesmo acréscimos culturais e doutrinais.

Na Comunidade Nalanda buscamos redescobrir os ensinamentos originais do Buddha, investigando as expressões mais antigas de seus ensinamentos, bem como as linhagens de transmissão dos mestres que, através dos séculos, trouxeram o Dhamma precioso até os dias atuais.

Nosso intuito principal é colaborar nessa reflexão sobre a mensagem intemporal do Buddha, oferecendo para isso espaços de meditação e estudo, nos quais são realizados cursos, reuniões e retiros. Nossas atividades têm como finalidade ajudar na compreensão teórica e prática do Dhamma (o ensinamento do Buddha); colaborar na transmissão de técnicas de meditação tradicionais; e incentivar a formação de um grupo de pessoas que se esforce por viver segundo tais ensinamentos.

A Comunidade Buddhista Nalanda veicula primariamente os ensinamentos e práticas da Escola Theravada (a mais antiga das escolas buddhistas existentes), tendo como inspiração principal a tradição contemplativa dessa escola, estando conectada a linhagens do Camboja, Thailândia, Sri Lanka e Birmânia (Myanmar). Para saber mais sobre as diversas escolas buddhistas, você pode clicar aqui.

A escola Theravada é pouco conhecida no Brasil, apesar de ser aquela que mais possui aderentes no mundo. Dentro da escola Theravada, estamos principalmente ligados à tradição thai-birmanesa, e oferecemos cursos, livros, prática semanal e retiros de prática intensiva de meditação, além de um site cheio de informações.

Entretanto, apesar de ligados primariamente à escola Theravada, nossas influências foram muitas e por isso mantemos uma firme atitude de harmonia fundamental entre todas as escolas ortodoxas, mantendo laços de amizade com vários centros e professores de outras escolas buddhistas, os quais sempre convidamos para ministrar seus ensinamentos. A ênfase em nossos grupos é colocada sobre a prática da meditação, o estudo do Dhamma em suas várias manifestações e a vida diária.

A Comunidade Buddhista Nalanda é também um dos poucos centros no mundo reconhecidos como veiculando os ensinamentos de Ajahn (Acariya) Buddhadasa, além de ser membro da Pali Text Society, UK e da Buddhist Publication Society, Sri Lanka; e parceiro do K.J.Somaiya Center para Estudos Buddhistas e do Nalanda Mahavihara University, ambos da Índia, e do Bright Dawn Institut, USA,  para projetos educacionais. Temos ligações estreitas de amizade e para projetos educacionais com o projeto Buddhadasa e o mosteiro Wat Suan Mokkh da Thailândia, com o Liberation Park dos EUA e com o Birmingham Buddhist Vihara da Inglaterra. Também desenvolvemos um trabalho de tradução e escrita, veiculado por este site e seus afiliados e os blogs Folhas no Caminho e No Que os Buddhistas Acreditam, além de Edições Nalanda, e convidamos que você também nos ajude nesse projeto.

Um outro grande projeto em andamento é a construção do Centro de Retiros Nalandarama, já com espaço para 34 pessoas. Nele realizamos retiros e workshops regularmente.

A Comunidade Buddhista Nalanda foi fundada por Upasaka Dhanapala em maio de 1989 com o objetivo de promover o estudo e a prática dos ensinamentos da tradição buddhista em solo brasileiro. Nosso foco não é em formar instrutores ou professores, não é criar círculos esotéricos de iniciados e não-iniciados, nem estabelecer hierarquias de gurus e discípulos ou antigos e novos; mas, sim, incentivar a existência de amigos dispostos a se ajudarem mutuamente no entendimento e prática dos ensinamentos primevos do Buddha. À medida que cresce o interesse nos ensinamentos do Buddha, nossa comunidade também cresce, contando com grupos de prática em Aracaju e Camaquã, além de sua sede em Belo Horizonte. A Comunidade também conta com membros à distância espalhados por todo o Brasil e além-mar, os quais, além de receber mensalmente material inédito, podem interagir uns com os outros, ajudando a comunidade a continuar. Com isso buscamos trazer pelo menos um pouco uma sensação de proximidade e prática conjunta para pessoas vivendo distantes de centros de dharma.

O que significa Nalanda?

Nalanda significa “o lugar que oferece o lótus”. A flor de lótus é um símbolo oriental que se refere ao conhecimento espiritual, o caminho de investigação e descoberta interior. Um outro significado da palavra, mencionado por um peregrino chinês, é o de “generosidade sem fim”. Nalanda também é o nome da localidade onde se situava uma das mais famosas universidades buddhistas de antigamente, a qual floresceu entre os séculos V e XII. Segundo a tradição, Nalanda foi visitada muitas vezes pelo Buddha, sendo também o lugar de nascimento de um de seus principais discípulos, o venerável Sariputta. Conheça mais sobre a antiga universidade de Nalanda na Índia.

Compartilhe com seus amigos:Share on Google+0Share on Facebook18Tweet about this on Twitter0Pin on Pinterest0Email this to someone

3 Responses to “Quem Somos”

  • Humberto

    Estou interessado em frequentar as práticas em B. Hte. Moro no interior e nesta segunda feira dia 28 estarei em B.Hte e gostaria de conhecer o local. Favor nos fornecer maiores detalhes. Agradecido, Humberto

  • Humberto Barahona

    Estimado Ricardo Sasaki, buen día. Me gustaría tener tu eMail para enviarte una nota. Nuestro encuentro en HK fué grato y creo que podría ser útil cultivar una mayor relación aquí en Sudamérica, en beneficio de la difusión del buddhismo para provecho de todos. Cordialmente, Humberto, de Chile.

  • Rodrigo da silva ribeiro

    Moro na cidade de tres pontas sul de minas gerais quero saber mais sobre o buddhismo

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>